fbpx

Redes Sociais:

Image Alt

procon Tag

Fernando Capez, diretor do órgão, cobra explicações da empresa sobre venda de produtos contrabandeados ou falsificados   A Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-SP) notificou a Shopee na útlima semana, pedindo esclarecimentos sobre a autenticidade e a origem de produtos oferecidos aos consumidores no site e aplicativo da marca. Segundo Fernando Capez, diretor do órgão de defesa do consumidor, o objetivo é garantir que os itens vendidos na plataforma são legítimos. “A Shopee deverá explicar sobre eventuais produtos contrabandeados ou falsificados vendidos aos consumidores. A partir dessa

Fernando Capez, diretor do órgão, explica que multas já vem sendo cobradas a empresas que desrespeitam determinação legal Consumidores que desejam não ser perturbados por ligações de empresas podem ser inscrever no cadastro “Não Me Ligue” do Procon-SP (bloqueio.procon.sp.gov.br). Apesar da previsão legal que determina a privacidade desses consumidores, algumas empresas ainda desrespeitam a determinação. Diante disso, o diretor do órgão, Fernando Capez, anunciou a divulgação do ranking dos perturbadores. É uma lista das empresas que mais ligam ou mandam mensagem para o consumidor que está

Fernando Capez, diretor do Procon-SP, explica que objetivo é impedir que produtos sejam embarcados para o exterior   O governo de São Paulo anunciou nesta quarta (11) a criação de uma força-tarefa para combater o transporte, compra e venda de madeira nativa ilegal no estado. A medida contará com a criação de um braço ambiental do Procon-SP, Procon Ambiental, que vai atuar na fiscalização ao lado da Polícia Militar Ambiental e da Secretaria Estadual do Meio Ambiente para vistoriar comércios de venda de madeira, especialmente de origem amazônica. “Cerca

Fernando Capez, diretor do órgão, afirma que reclamações por golpes no primeiro semestre já superam as registradas durante 2020   Na última quinta (29), o Procon-SP emitiu nota explicando que estuda proibir que os pagamentos de pedidos feitos em aplicativos de delivery sejam realizados na entrega. Essa medida visa diminuir casos de golpes aplicados na cobrança com uso de máquinas de cartões. “Diante da explosão de golpes aplicados na entrega por delivery, o Procon-SP estuda medidas para que as empresas proíbam qualquer tipo de cobrança por cartão no ato

Diretor do Procon-SP afirma que deseja identificar falsos planos coletivos para coibir reajustes abusivos   O Procon-SP voltou a se reunir com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, nesta terça (27) para buscar alternativas sobre os reajustes de planos de saúde coletivos. O órgão de defesa do consumidor vem pressionando para que a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) divulgue lista com todos os CNPJs que têm planos empresariais de apenas um titular. De acordo com Fernando Capez, diretor executivo do Procon-SP, o objetivo é saber se as

Diretor do órgão explica nova ação que ajudará repactuar as dívidas a partir de agosto O diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez, anunciou o lançamento da Central do Superendividamento, que vai funcionar a partir de agosto. A ação se baseia em uma central de negociações para agilizar e facilitar a vida do consumidor em situação financeira grave. A iniciativa ocorre após a entrada em vigor da Lei Federal 14.181/21, que estabelece regras para a prevenir e tratar o superendividamento. A lei, que passou a valer esse

Diretor do órgão, Fernando Capez, propõe que planos coletivos também sigam desconto de 8,19% dado a planos individuais e familiares pela ANS   O Procon-SP, por meio de seu diretor executivo Fernando Capez, afirma que vai juntar em sua ação contra as operadoras de planos de saúde o reajuste negativo determinado na última semana pela agência reguladora ANS (Agência Nacional de Saúde) aos planos individuais e familiares. Segundo Capez, se os cálculos da ANS, com base no cenário de 2020, a levaram a determinar que os planos individuais e

Fernando Capez, diretor do órgão, afirma que crimes vem crescendo pela modalidade de transferência e propõe alternativas à Febraban (Federação Brasileira de Bancos)   O Procon-SP, por meio de seu Diretor Executivo Fernando Capez, vai propor alternativas para reduzir o número de golpes que vem ocorrendo pelo Pix, uma ferramenta pagamento e de transferência de valores instantâneo. Entre as propostas que serão enviadas à Febraban, está a de limitar os valores a serem transferidos a fim de evitar golpes de criminosos. “O Procon está recebendo muitas reclamações

Fernando Capez, diretor do órgão, oferece dicas de como evitar problemas em transações em sites e aplicativos   Em 2018 e 2019, o Procon-SP recebeu cerca de 100 mil reclamações sobre problemas relacionados a compras online e golpes. Em 2020 e nos primeiros cinco meses de 2021, esse número chegou a 400 mil. O Diretor Executivo Fernando Capez explica os motivos para esse crescimento. “O comercio online hoje está repleto de golpistas. Os criminosos migraram das ruas para a internet”, alerta. A primeira atitude a se tomar