Image Alt

Fernando Capez

Procon-SP notifica fornecedores de alimentos

notícias & releases

Procon-SP notifica fornecedores de alimentos

Empresas deverão esclarecer aumentos de até 75%

Publicado em 7 de abril de 2020

O @proconsp, vinculado à Secretaria da Justiça e Cidadania, após receber informações da Associação Paulista de Supermercado (APAS) de que fornecedores de produtos da cesta básica – arroz, feijão e leite – estariam elevando os preços desses produtos, notificou hoje (7/4) 16 empresas para que expliquem os aumentos. A associação informou aumentos de até 75,5% para o feijão, 73,5% para o arroz e 40% para o leite.

As empresas Irano, Kicaldo, Maximo, Cerealista Zorzo, Quatiguá, Caldo Nobre, Shefa, Barbosa, Piracanjuba, Triângulo, Jussara, Danone, Tirol, Cativa, Carunchão e Aurora deverão enviar notas fiscais das vendas realizadas às redes de supermercados Carrefour, Pão de Açúcar, Extra, Sonda, BIG e Macro, referentes aos meses de janeiro, fevereiro, março e abril desse ano para que o Procon-SP faça a comparação dos preços.

Estes fornecedores integram a cadeia de fornecimento e estão sujeitos ao Código de Defesa do Consumidor, que em seu art. 39, V, considera prática abusiva o aumento sem justa causa de preço. Caso sejam comprovados que os aumentos são injustificados, as empresas poderão ser multadas em até R$10 milhões.

A empresas têm 24 horas para responder ao @proconsp.

Procon-SP
Assessoria de comunicação

Add Comment